Casa

26/04/2019 Como lidar com as manchas mais difíceis nas roupas?

Manchas em roupas, carpetes e toalhas são muito frustrantes e podem acabar com o nosso humor. Algumas delas são mais difíceis de serem removidas do que outras e as técnicas para lidar com cada uma pode variar. Antes de jogar fora uma blusa branca na qual você acidentalmente derramou vinho tinto ou fazer de pano de chão aquela calça que seu filho manchou na grama, é bom conhecer as manchas e saber como tratá-las de forma eficiente.

“O aspecto mais importante para esta remoção é o pré-tratamento, ou seja, agir o mais rápido possível antes da lavagem. Quanto mais cedo você puder absorver ou pré-tratar uma mancha, maiores serão suas chances de removê-la”, explica o engenheiro químico André Karadi, do marketing de Home Care da BASF. “Desta forma, experimente usar um produto tira-manchas ou detergente lava-roupas com enzimas, especificamente formulados para decompor proteínas e remover certos tipos de machas”. O engenheiro químico preparou orientações para os principais tipos de mancha:

Vinho: Mancha de vinho tinto é talvez uma das mais difíceis e temidas de serem removidas, principalmente quando ocorrem sobre aquela roupa branca novinha. A melhor alternativa é retirar o máximo possível da quantidade de vinho das fibras usando papel ou tecido de alta absorção. Em seguida, basta aplicar sobre a mancha alguma solução como detergente lava-roupas, lava-louças concentrado ou um tira-manchas contendo peróxido de hidrogênio ou até um alvejante (caso seu tecido seja branco), deixando agir para depois realizar a lavagem habitual. É importante evitar esfregar as manchas de vinho, pois isso pode marcar permanentemente as fibras do tecido.

Grama: É divertido ver as crianças brincarem ao ar livre, mas a diversão acaba quando você precisa lidar com manchas verdes nas roupas. Manchas de grama são como corantes de clorofila, o que significa que são complexas. Devido às proteínas e corantes presentes, e a consequente coloração verde intensa, elas podem ser desafiadoras e irritantes na hora da remoção. A melhor alternativa é o uso de um lava-roupas com enzimas, deixando-o agir sobre a área manchada por alguns minutos antes de lavar normalmente com as outras peças.

Chocolate: O chocolate contém grande quantidade de gordura e cacau, o que pode causar danos irreparáveis nas roupas ou tecidos. Para remover essa complexa mistura é importante retirar o excesso o mais rápido possível e usar um detergente líquido concentrado diretamente na área afetada, com um pouco de água quente. Essa etapa facilitará a remoção da mancha durante o ciclo de lavagem.

Suor e desodorante: Manchas amareladas de suor e de desodorante nas axilas das roupas são, provavelmente, as manchas mais indesejáveis, pois remetem à roupa suja e falta de higiene. Este efeito de amarelamento é causado pela interação dos ativos antitranspirantes do desodorante, principalmente cloridrato de alumínio, com gorduras, sais e água oriundos do processo de sudorese sobre a pele. Remover essas manchas não é uma tarefa fácil, mas você pode usar um tira-manchas que em sua formulação contenham quelantes e adicionar também um pouco de água quente. Depois lave a roupa com um detergente enzimático para roupas. Para remover os odores de transpiração, opte também por lavar as roupas com lava-roupas de propriedade “anti-bac”, formulados para conferir proteção bacteriostática, principalmente em se tratando de roupas para prática esportiva.

© 2015 Tv Última Notícia . By Mediaplus