Polícia

19/01/2019 Taxista é sequestrado e morre depois de ser colocado no porta-malas de carro

Buscas estão sendo feitas pela Polícia Militar (PM) na tentativa de encontrar dois criminosos que assassinaram um taxista em Elói Mendes, na Região Sul de Minas Gerais. A vítima foi sequestrada pelos bandidos e colocada no porta-malas do carro. Usando o táxi, a dupla assaltou um posto de combustível e depois abandonou o automóvel em uma estrada vicinal. Mário Eugênio, de 73 anos, foi encontrado sem vida. Ele não apresentava sinais de violência no corpo. A suspeita é que ele tenha morrido asfixiado.

Imagens de câmeras de segurança de um posto de combustível, localizado às margens da BR-491, entre Elói Mendes e Paraguaçu, serão utilizadas pela PM para tentar identificar os criminosos. Os criminosos chegaram no estabelecimento por volta das 17h, já com o carro do taxista. A PM acredita que a vítima já estava no porta-malas no momento do roubo.

Os dois criminosos desceram do veículo armados e renderam um frentista. Eles pegaram aproximadamente R$ 100 em dinheiro e depois fugiram. A PM foi até o local e fez os levantamentos iniciais para chegar até os criminosos, como as características deles. Em seguida, iniciou o rastreamento.

Durante as buscas, o Prisma do taxista foi encontrado em uma estrada vicinal próximo a Elói Mendes. O veículo estava fechado e com as chaves no porta-malas. Os militares abriram e localizaram Mário Eugênio dentro dele. Ele já não apresentava sinais vitais.

A perícia da Polícia Civil esteve no local e verificou que o motorista não apresentava sinais de violência. A principal suspeita é que ele tenha morrido asfixiado, devido ao tempo em que ficou trancado dentro do porta-malas.

As buscas estão sendo feitas por policiais militares de Elói Mendes, com apoio de policiais de Varginha. A PM já tem suspeitos do crime, porém, até a publicação desta reportagem, ninguém foi preso. 

(EM)

© 2015 Tv Última Notícia . By Mediaplus